Consultoria em Recursos Humanos

Do que ou de quem depende o desenvolvimento?

Senir Fernandez – Consultor da SA Consultoria

senir@sarh.com.br



Muitas vezes passa pela nossa cabeça ou até dizemos que alguém teve sorte e por esta razão conseguiu realizar alguma coisa. E quando dizemos que é a sorte que está por trás de alguma conquista é porque na verdade não sabemos a razão. Saber a razão é ter o conhecimento dos fatores que influenciaram um resultado. Então para podermos responder com conhecimento de causa de que ou de quem depende o desenvolvimento , teremos que entender que elementos compõem a aprendizagem, como ela ocorre e que fatores a influenciam.

Desenvolvimento, podemos dizer que é a mudança de uma situação atual para uma outra situação, que, a partir de algum critério de valorização (mais complexo, mais valorizado, mais importante, mais agradável, mais abrangente, mais reconhecido) consideramos que seja melhor. Normalmente as pessoas estão em desenvolvimento, exceto se consideram que a situação que estão é a melhor possível, ou ainda, se não querem mudar por conforto ou por medo.

Toda mudança de situação exige mudanças de capacidades ou de utilização de capacidades já adquiridas. Este ciclo de ter capacidades, aumentar capacidades, utilizar capacidades já desenvolvidas e experimentar usar novas capacidades é o moto contínuo da aprendizagem e do desempenho. Estamos então falando de aprendizagem e de desempenho. Mudar capacidades basicamente é ampliar conhecimentos, habilidades e atitudes. De forma bem sintética podemos dizer que conhecimento está relacionado ao SABER, as habilidades ao SABER FAZER e as atitudes ao QUERER.

Vamos entender melhor cada uma delas.

Primeiro o conhecimento. Chamaremos de “CONHECIMENTO” toda informação ou significado que estejam sistematizados ou desenvolvidos numa linguagem. Com certeza, grande parte do conhecimento humano está registrado e é repassado através desta linguagem que estou utilizando, a verbal. O domínio da linguagem é a condição “sine qua non” para o acesso às informações e significados. Como é então que alguém se desenvolve ou amplia seu conhecimento? O processo básico é o de desenvolvimento da linguagem, significantes e significados pela exposição ao próprio conhecimento. Ou seja, ver, ler, ouvir, associar significados. Como eu sei que alguém tem o conhecimento? Pela mesmo processo de exposição. É necessário que ele exponha o seu conhecimento. Falar ou escrever sobre um assunto, responder a questões na própria linguagem é a demonstração do conhecimento. Utilizar o conhecimento também demonstra o grau de conhecimento, porém já entra também no que chamamos de habilidade. Chamaremos de “ HABILIDADE” a utilização mental ou física do conhecimento. Quando eu aplico o conhecimento de uma regra , um princípio, uma teoria numa situação, o conhecimento de como funciona alguma ferramenta ou equipamento, estou demonstrando minha habilidade. Se eu aprendi uma regra e a pratico em exercícios, estou demonstrando e ao mesmo tempo desenvolvendo minha habilidade. Como desenvolvemos a habilidade? Praticando, sejam exercícios mentais como aplicação de uma teoria, sejam exercícios físicos para desenvolver uma habilidade motora. Ou seja, o processo de desenvolvimento de habilidade é o exercício e sua repetição. Quanto mais praticamos, maior probabilidade de sermos mais precisos, e acertarmos. Maior probabilidade de obtermos melhores resultados nas demandas que exigem aquela habilidade. Finalmente as atitudes. Chamaremos de “ATITUDE” o posicionamento pessoal relacionado às características individuais de auto-imagem, papel social, crenças, traços de personalidade e motivos e os comportamentos decorrentes. Como alguém demonstra as atitudes? No seu comportamento. Nas suas reações diante das situações do dia a dia. Eu demonstro no meu comportamento o que eu gosto e não gosto, pouco ou muito. O que acredito e o que não acredito, o que tenho dúvida e tenho certeza, se valorizo e acho importante ou se é indiferente ou não tem importância. Afinal eu demonstro os meus "quereres" e o meu estilo de ser eu mesmo. Como se desenvolve uma atitude? O processo é complexo, mas tem normalmente um ciclo com algumas macro etapas que podem ser identificadas como : auto-conhecimento, seguido de um desejo de mudança (extinção, ampliação, restrição, substituição ou aquisição de comportamento), seguido de experimentação em situação ou oportunidade que possibilite a demonstração e, reforço (intrínseco ou extrínseco, positivo, inexistente ou negativo) que direcione a mudança. Então, desenvolver iniciativa, cooperação, capacidade de inovar e assumir riscos, flexibilidade a novas situações, são processos complexos e que não há muita previsibilidade de tempo para acontecer. Pode ser rápida, demorada ou nunca ocorrer. Quanto ao conhecimento e habilidades existe maior previsibilidade de quanto tempo é necessário para ocorrer o desenvolvimento.

Mas afinal, depois de toda essa reflexão sobre aprendizagem e desempenho, do que depende o desenvolvimento? De quem depende o desenvolvimento?

A resposta, baseada na análise que acabamos de fazer, é que o desenvolvimento depende de oportunidades de acesso a informação, de domínio de linguagens, exposição ao conhecimento sistematizado para o aumento de conhecimento, depende de oportunidades de aplicação para o aumento de habilidades ( e quanto mais uso em mais situações, melhor) e, depende de você mesmo com a ajuda de alguém de sua confiança e que tenha poder e credibilidade para possibilitar seu auto-conhecimento, colaborar no estabelecimento de desejos de mudança, criar situações que desafiem e permitam a experimentação da mudança, dar feedback reconhecendo a mudança ou dando início a um novo ciclo de desenvolvimento de atitudes.

E, finalmente, de quem depende o desenvolvimento?

Em primeiríssimo lugar depende de você mesmo. Afinal você é que tem o poder de decisão sobre o que aprender ou não. Você que tem o querer e o interesse de aprender ou não. Você que pode gerar o maior número de oportunidades de acesso ao conhecimento, pesquisando e acessando informações, lendo, vendo, perguntando, ouvindo, conversando sobre os temas de seu interesse. Com certeza há muito conhecimento disponível em lugares, meios e pessoas esperando seu acesso.

Em segundo lugar o seu desenvolvimento depende de pessoas de seu relacionamento (pais, amigos, tutor, treinador, guru, chefe, pares, subordinados, clientes e fornecedores ) que tenham credibilidade, poder e afeto. Credibilidade para influenciar o seu conhecimento sobre todos os assuntos de seu interesse e, principalmente o seu auto-conhecimento. Credibilidade para influenciar o seu desejo de mudança. Poder de conhecer suas capacidades e colocá-lo em situações que possibilitem a ampliação do seu conhecimento, em oportunidades para você demonstrar ou desenvolver suas habilidades e em desafios para você experimentar a mudança desejada. Poder também para reconhecer e recompensar o seu desenvolvimento.

Finalmente, o seu desenvolvimento depende também de organizações, instituições, empresas que tem o papel social de disponibilizar ou facilitar a sua aprendizagem. Qualquer que seja a organização na sociedade que possibilita a aprendizagem, estará sempre direcionando para os objetivos e fortalecimento dos valores da organização.

Se há alguma ordem de dependência, importância ou impacto no desenvolvimento, eu a vejo dessa forma. Pense nisso.

Voltar

COPYRIGHT© 2014 SA CONSULTORIA EM RECURSOS HUMANOS S/S